terça-feira, 7 de setembro de 2010

ATLETAS PARAOLÍMPICOS POTIGUARES


Essa belíssima página da história do Estado do Rio Grande do Norte teve início em 1981, quando o professor de Educação Física JOSé SÉLIO VILAR DE QUEIROZ, conhecido popularmente por “ZECA”, inaugurou a Academia TUBURAÇÃO, PARQUE AQUÁTICO, em NATAL, DESTINADO À REABILITAÇÃO DE PESSOAS PORTADORAS DE DEFICIÊNCIAS. Em 1988, ante a disposição de alguns freqüentadores de participar de competições voltadas para esse segmento, Zeca começou a preparar os futuros atletas para-olímpicos potiguares. Já em 1989,)houve a primeira competição em Maceió-AL, quando o Rio Grande do Norte enviou uma delegação coma penas dois atletas: GLEDSON SOARES, natural de Natal, nascido em 1977 e ADRIANO GOMES, natura de Nova Cruz-RN, nascido em 21 de junho de 1973sc. Apesar do reduzido número, a equipe potiguar mereceu elogios, pois foram conquistadas cinco medalhas, sendo uma de ouro, duas de prata e duas de bronze. Em 1990, o Rio Grande do Norte começa a se destacar no cenário nacional com a convocação do atleta Gledson Soares para compor a Seleção Brasileira que disputou o Pan-americano de Caracas, na Venezuela, tendo arrebatado duas medalhas de prata. Gledosn foi o atleta mais novo, com apenas 13 anos.
A partir de então, o professor Zeca, em reconhecimento, foi convocado, em 1992, para integrar a comissão técnica da Seleção Brasileira, permanecendo no cargo até 2001. Nesse período participou de três paraolímpicas: BARCELONA, em 1992; ATLATA, 1996 e SIDNEY, em 2002; dois panamericanos, Caracas, 1990 e Cidade do México, em 1999, além de dois Mundiais. Na Ilha de Malta e na Nova Zelândia

PROFESSOR JOSÉ ROSÉLIO VILAR DE QUEIROZ

JOSÉ ROSÉLIO VILAR DE QUEIROZ, natural de Natal, nascido a 28 de novembro de 1930, filho de Fernando Cerqueira de Carvalho Sobrinho (1896), filho de Luiz Cerqueira de Carvalho e Maria Sobral Carvalho; e de NOÊMIA AUGUSTA VILLAR BARROCA, natural de Ceará Mirim-RN (05/07/1891 – 04/08/1978, filha de Antonio Vilar de Araújo e Maria do Carmo Pereira Vilar. Professor, empresário e desportista. Casou-se no dia primeiro de janeiro de 1976, com SUZANA MARIA DE ALMEIDA GUILHERME, natalense, nascida a 17 de janeiro de 1933, filha de Joaquim Guilherme e Elvira de Almeida Guilherme, pai dos seguintes filhos: DANIELLE DE ALMEIDA GUILHERME VILAR (02/06/1978) , RODRIGO DE ALMEIDA GUILHERME VILAR (01/01/1977)

FONTE: livro VILLAR & CIA – APONTAMENTOS DE HISTÓRIA FAMILIAR, de ALCIDES FRANCISCO VILAR DE QUEIROZ

mais

mAS

mais

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

CLODOALDO SILVA


Clodoaldo Silva, natural de Natal, nascido a 1º de janeiro de 1979 e conheceu a natação como processo de reabilitação no ano de 1996, em Natal. Em 98, ele participou de seu primeiro campeonato brasileiro, onde conquistou nada menos do que três medalhas de ouro. Um ano depois, ele iniciou sua coleção de títulos internacionais para o País. Em 2000, quando disputou sua primeira Paraolimpíada, o nadador abocanhou quatro medalhas, sendo três de prata e uma de bronze.

Antes mesmo de competir nos Jogos de Atenas, o “Tubarão Paraolímpico” surpreendia com sua alta performance. Somente em um Mundial, que ocorreu em 2002, na Argentina, Clodoaldo bateu três recordes: nos 50m, 100m e 200m livre. Depois disso, ele não se cansou de ganhar medalhas e bater seus próprios recordes em todas as vezes que entrou nas piscinas para competir.

Na Paraolimpíada de Atenas, em 2004, o atleta conquistou seis medalhas de ouro e uma de prata nas oito provas em que disputou. Com isso, Clodoaldo Silva entrou para a história da natação paraolímpica brasileira como o maior medalhista da modalidade. Também entrou para a história do esporte paraolímpico nacional por conquistar, em uma única edição paraolímpica, seis medalhas de ouro, uma medalha de prata, quatro recordes mundiais, cinco paraolímpicos e 11 parapan-americanos.

Na história do esporte paraolímpico mundial, seu nome foi escrito com a terceira colocação em qualidade de medalhas ganhas, entre os cerca de 4000 atletas que competiram na Grécia. Se o brasileiro fosse um país, ele ficaria na 24ª posição no quadro geral de medalhas e a frente de potências como Holanda e Itália.

Em 2005 ele continuou brilhando. Das competições que participou no ano o atleta conquistou nada menos do que 47 medalhas de oito competições nacionais e três internacionais. Destas, 40 de ouro, 5 de prata e 2 de bronze. Clodoaldo também bateu o seu próprio recorde mundial nos 50m livre na Inglaterra, quando nadou na I Copa do Mundo Paraolímpica.

Somente no primeiro semestre de 2006, Clodoaldo abocanhou 25 medalhas em três competições internacionais e uma nacional, sendo 22 de ouro e três de prata. Ele bateu o seu próprio recorde mundial nos 100m livre duas vezes e também nos 50m borboleta.

Hoje, Clodoaldo é reconhecido como ídolo no Brasil e no mundo. Prova disso foi a indicação para o Oscar Mundial do Esporte, em 2005, no entanto, o principal título de sua carreira não veio dessa cerimônia, mas do evento do Comitê Paraolímpico Internacional, que honrou o atleta com o troféu de melhor paraolímpico do mundo.

No final deste mesmo ano, o Comitê Olímpico Brasileiro concedeu a Clodoaldo o Troféu Hors Concours, que é a maior honraria do Prêmio Brasil Olímpico. Somente o paraolímpico e mais dois jogadores de futebol o Ronaldo, fenômeno, e Ronaldinho Gaúcho, são os únicos a serem premiados com o título.

Entre as últimas homenagens concedidas a Clodoaldo estão o título para exercer o papel de embaixador do Pan e Parapan-americano 2007 pelo Sistema da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN) e escolha pela Soberana Ordem do Mérito do Empreendedor Juscelino Kubitschek como personalidade esportiva de 2006.

Além de ser um devorador de títulos, o nadador é um exemplo de vida. O atleta teve paralisia cerebral por falta de oxigênio durante o parto, o que afetou os movimentos das pernas e lhe trouxe uma pequena falta de coordenação motora. Para o futuro, ele sonha em estudar psicologia e se especializar em psicologia do esporte. Além de atender muitas crianças e adolescentes no Instituto Clodoaldo Silva.

FONTE SITE DE CLODOADO SILVA

PRINCIPAIS ATLETAS PARAOLÍMPICOS

Atletismo

Masculino
Alan Fonteles Cardoso de Oliveira - Ananindeua/PA
Alex Cavalcante Mendonça - Diadema/SP
André Luiz Garcia Andrade - Presidente Prudente/SP
André Luiz Oliveira - São Paulo/SP
Antônio Delfino de Souza - Taguatinga/DF
Ariosvaldo Fernandes da Silva - Planaltina/DF
Aurélio Guedes dos Santos - Marilia/SP
Carlos José Barto da Silva - Belo Horizonte/MG
Christiano Henrique Farias - Belém/PA
Claudemir do Nascimento Santos - Rio de Janeiro/RJ
Daniel Mendes da Silva - Vitória/ES
Edson Cavalcante Pinheiro - Porto Velho/RO
Emicarlo Elias de Souza - Natal/RN
Felipe de Souza Gomes - Rio de Janeiro/RJ
Gilson José dos Anjos - Joinville/SC
Jonathan de Souza Santos - Maceió/AL
José Carlos Purificação de Alecrim - Goiânia/GO
José Ribeiro da Silva - São Paulo/SP
Julio César de Souza - Joinville/SC
Leonardo Amâncio - Recife/PE
Lucas Prado - Joinville/SC
Marco Aurélio Lima Borges - São Paulo/SP
Moises Vicente Neto - Taguatinga/DF
Nelson Ned Trajano Pereira - Cuiabá/MS
Odair Ferreira dos Santos - Presidente Prudente/SP
Ozivan dos Santos Bonfim - Marabá/PA
Paulo Douglas Moreira de Souza - São Gonçalo/RJ
Pedro César da Silva Moraes - Cuiabá/MS
Pedro Flávio Guilhermino - Betim/MG
Tito Alves de Sena - Goiânia/GO
Yohansson do Nascimento Ferreira - Maceió/AL

Feminino
Adria Rocha Santos - Joinville/SC
Ana Tércia Venâncio Soares - São José do Rio Preto/SP
Fernanda Yara Silva - Petrolina/PE
Indayana Pedrina Moia Martins - Joinville/SC
Jenifer Martins dos Santos - Recife/PE
Jerusa Geber dos Santos - Cuiabá/MS
Joana Helena dos Santos Silva - Uberlândia/MG
Maria Jose Alves - Joinville/SC
Poliana Jesus - Uberaba/MG
Roseane Ferreira dos Santos - Maceió/AL
Rosenei Herrera - Campo Grande/MS
Sheila Finder - Joinville/SC
Shirlene Santos Coelho - Samambaia/DF
Sirlene Aparecida Guilhermino - Curitiba/PR
Sonia Maria Pereira de Gouveia – Maceió/AL
Suely Guimarães - Recife/PE
Teresinha Aparecido Guilhermina - Curitiba/PR

BOCHA
Eliseu Santos – Pinhais/SC
Dirceu José Pinto – Mogi das Cruzes/SP

CICLISMO
Flaviano Eudoxio de Carvalho – Santa Rita de Ouro Preto/MG
Soelito Ghor – Brusque/SC

FUTEBOL DE 5 (para cegos)

Andreonni Fabrizius Farias do Rego – João Pessoa/PB
Damião Robson de Souza Ramos - João Pessoa/PB
Fábio Ribeiro Vasconcelos – Campina Grande/PB
Jefferson da Conceição Gonçalves – Candeias/BA
João Batista da Silva – Belo horizonte/MG
Marcos José Alves Felipe - João Pessoa/PB
Mizael Conrado de Oliveira – São Paulo/SP
Ricardo Steinmetz Alves – Porto Alegre/RS
Sandro Laina Soares – Rio de Janeiro/RJ
Severino Gabriel da Silva - João Pessoa/PB

FUTEBOL DE 7 (para paralisados cerebrais)
Antônio Marcos Passos da Rocha – Rio de Janeiro/RJ
Fabiano Rogério Bruzzi – Timóteo/MG
Gilberto Ferreira de Moraes – Corumbá/MS
Irineu Nunes Ferreira – Campo Grande /MS
Jean Adriano Rodrigues – Campo Grande/MS
José Carlos Monteiro Guimarães – Rio de Janeiro/RJ
Leandro Manso Marinho – Duque de Caxias/RJ
Luciano Gonçalves Rocha – Campo Grande/MS
Marcos dos Santos Ferreira – Campo Grande/MS
Marcos William Santos G. da Silva – Rio de Janeiro/RJ
Renato da Rocha Lima – Campo Grande/MS
Wanderson Silva de Oliveira – Rio de Janeiro/RJ
GOALBALL

Masculino
Alexsander Almeida Maciel Celente – Jandaia do Sul/PR
Legy Pedro Freire – João Pessoa/PB
Luis Pereira da Silva Filho – Rio de Janeiro/RJ
Paulo Roberto Homem – Florianópolis/SC
Romário Diego Marques – Natal/RN
Thiago Henrique Firmino da Costa – João Pessoa/PB

Feminino
Adriana Bonifácio Lino – Uberaba/MG
Ana Carolina Ruas Custódio – Rio de Janeiro/RJ
Cláudia P. Gonçalves de Amorim – Cuiabá/MT
Luana Cristina da Silva – São Paulo/SP
Neuzimar Clemente dos Santos – Vila Velha/ES
Simone Camargo da Silva – São Paulo/SP

HALTEROFILISMO
Alexander Whitaker dos Santos - São Paulo/SP
Josilene Alves Ferreira – Goiânia/GO
Maria Luzineide Santos de Oliveira – Natal/RN

HIPISMO
Davi Salazar Pessoa Mesquita – Brasília/DF
Marcos Fernandes Alves – Brasília/DF
Elisa Melaranci – Brasília/DF
Sérgio Froes Ribeiro de Oliva – Brasília/DF

JUDÔ

Masculino
Antonio Tenório da Silva – São Paulo/SP
Eduardo Paes Barreto Amaral - Rio de Janeiro/RJ
Helder Maciel Araújo - São Paulo/SP
Feminino
Daniele Bernardes da Silva – São Bernardo do Campo/SP
Deanne de Almeida – Belo Horizonte/MG
Karla Ferreira Cardoso – Rio de Janeiro/RJ
Lúcia da Silva Teixeira – São Paulo/SP
Michelle Aparecida Ferreira – Campo Grande/MS
NATAÇÃO

Masculino
Adriano Galvão Pereira - Natal/RN
Adriano Gomes de Lima - Natal/RN
Andre Brasil Esteves - São Paulo/SP
Carlos Alonso Farrenberg - Santos/SP
Clodoaldo Francisco da Silva - Natal/RN
Daniel de Faria Dias - Bragança Paulista/SP
Danielson Pontes dos Santos - Natal/RN
Francisco de Assis Avelino - Natal/RN
Gabriel Feiten - Três Coroas/RS
Genezi Alves de Andrade - Natal/RN
Gledson Soares - Natal/RN
Ivanildo Alves de Vasconcelos - Recife/PE
Joon Sok Seo - São Paulo/SP
Luiz Antônio Correia e Silva - Recife/PE
Marcelo Collet e Silva Mauro - Salvador/BA
Mauro Luiz Brasil da Silva - Rio de Janeiro/RJ
Moises Domingues Batista - Curitiba/PR
Phelipe Andrews Melo Rodrigues - João Pessoa/PB
Rodrigo Machado de Souza Ribeiro - Rio de Janeiro/RJ

Feminino
Edenia Nogueira Garcia - Natal/RN
Fabiana Harumi Sugimori - Campinas/SP
Rildene Fonseca Firmino - Natal/RN
Valeria Santarém Lira - Manaus/AM
Verônica Mauadie de Almeida - Salvador/BA

TÊNIS EM CADEIRA DE RODAS
Carlos Alberto Chaves dos Santos – Águas Claras/DF
Marcello Pommê – São Paulo/SP

TÊNIS DE MESA
Alexandre Macieira Ank - Juiz de Fora/MG
Carlo di Franco Michell- Belo Horizonte/MG
Carollina Maldonado - Santos/SP
Claudiomiro Segatto – Curitba/PR
Hemerson Leocadio Kovalski - Curitiba/PR
Iranildo Conceição Espíndola – Brasília/DF
Ivanildo Pessoa de Freitas – São Paulo/SP
Jane Carla Rodrigues - Aparecida de Goiânia/GO
Luiz Algacir Vergílio da Silva - Curitiba/PR
Maria Luiza Pereira Passos - Curitiba/PR
Welder Camargo Knaf - Guarapuava/PR
TIRO
Carlos Henrique Prokopiak Garletti - Ponta Grossa/PR

VELA
Darke Moraes Rego Bhering de Mattos - Rio de Janeiro/RJ
Luiz Cesar do Nascimento Faria – Niterói/RJ
Rossano Marcos de Sá Leitão - Rio de Janeiro/RJ